domingo, 6 de dezembro de 2009

Cova Gala e a Vila...

Uma reflexão e alguns argumentos simples e essenciais,sobre um post publicado no blog "Outra Margem"
O nome Cova Gala,será sempre escrito em maiúscula,em qualquer circunstância,nem que seja simplesmente por valores sentimentais...
Cova Gala,constitui o ser,a origem do nosso lugar, povoação, aldeia e agora Vila.Cova Gala é o nosso tronco de descendência,o princípio da nossa existência,o ponto de partida,é como uma Pátria ou família de que somos oriundos.
São Pedro é com justiça padroeiro desta terra,como certamente o é de muitas outras,mas Cova Gala é única,singular é o nosso passado,presente,futuro e será sempre o nome deste povo,até ao fim dos tempos...
As gentes da Cova e Gala fizeram desta terra uma Vila, a Vila da Cova Gala,com uma freguesia,a freguesia de São Pedro...Cova Gala,será para mim sempre em letra maior,um nome inalterável,um nome eterno, especialmente para os naturais desta terra...
(em"Cova Gala e a Vila...")

O Mar...da Cova.

O Mar...da Cova.
Praia da cova...teu mar é imenso,tem muitas estórias para contar.Quando era criança quis alcançar o teu fim...nos meus pensamentos.O teu horizonte era a minha amante longínqua...As dunas a cama aonde um dia me iria deitar contigo...

Que dia é hoje?

Só existem dois dias no ano,em que nada se deve fazer.
Um chama-se ontem,e o outro amanhã.
Por isso hoje é o dia para amar,crer,fazer e principalmente viver...

Ponte dos Arcos...na Gala

Ponte dos Arcos...na Gala
Velha Ponte dos Arcos...Ponte da minha infãncia.Tua vida chegou ao fim...mas a tua imagem ficará sempre em mim.Olhas o rio,como quem olha o espelho da vida.Já viste alguém nascer...quem sabe!Não evitas-te que junto a ti alguém morresse.

Praia da Cova...

Praia da Cova...
O perfume do teu mar...é o presente,foi o passado e será o futuro da minha existência...