sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

Assoreamento da foz do Mondego prejudica construção e reparação dos navios


assoreamento está a pôr em risco a construção e reparação de navios, causando prejuízos aos Estaleiros Navais do Mondego (ENM), na Figueira da Foz. “Neste momento não temos conseguido fazer trabalhos de reparação devido ao assoreamento da barra, mas também ao próprio acesso aoestaleiro”. Quem o diz é Joaquim Peres, gerente da Atlanticeagle Shipbuilding, concessionária dos estaleiros.“Temos falado com a administração do Porto da Figueira da Foz, que está consciente disso, na tentativa de encontrar-se uma solução”, acrescenta Joaquim Peres, reconhecendo que a situação “está a causar prejuízos elevados”. Como tal, elucida: “temos instalações, mas não temos condições”. Joaquim Peres admite que a empresa concorreu “com determinados pressupostos, que não existem”.

O Mar...da Cova.

O Mar...da Cova.
Praia da cova...teu mar é imenso,tem muitas estórias para contar.Quando era criança quis alcançar o teu fim...nos meus pensamentos.O teu horizonte era a minha amante longínqua...As dunas a cama aonde um dia me iria deitar contigo...

Que dia é hoje?

Só existem dois dias no ano,em que nada se deve fazer.
Um chama-se ontem,e o outro amanhã.
Por isso hoje é o dia para amar,crer,fazer e principalmente viver...

Ponte dos Arcos...na Gala

Ponte dos Arcos...na Gala
Velha Ponte dos Arcos...Ponte da minha infãncia.Tua vida chegou ao fim...mas a tua imagem ficará sempre em mim.Olhas o rio,como quem olha o espelho da vida.Já viste alguém nascer...quem sabe!Não evitas-te que junto a ti alguém morresse.

Praia da Cova...

Praia da Cova...
O perfume do teu mar...é o presente,foi o passado e será o futuro da minha existência...